Como posso te ajudar?Seguro saúde

Importância de um bom seguro

Importância de um bom seguro
tumblr

Seguro saúde de viagem: fazer ou não fazer? Se você vai viajar e não quer ter surpresas desagradáveis durante a sua viagem, uma das coisas mais importante que você deve fazer é um seguro viagem, principalmente se for para o exterior.

Se você ainda está na dúvida se faz ou não o seguro saúde, aqui vão algumas dicas para esclarecer um pouco os fatos.

O seguro viagem é super importante para uma estadia internacional (e quanto maior a cobertura, melhor!). Se acontecer qualquer coisa com você, o preço que você pagou pelo seguro sempre será menor do que o preço que você precisaria pagar se não o tivesse. Despesas médicas no exterior normalmente são muito caras, principalmente nos Estados Unidos, onde a saúde é caríssima.

Fatores a serem considerados que já fariam o seguro valer a pena: problemas intestinais devido a uma alimentação diferente da que o seu organismo está acostumado, gripe por conta da diferença climática do lugar visitado, ou até mesmo desastres naturais, muito comuns em países estrangeiros.

Além disso, algumas seguradoras cobrem problemas com o voo e com a bagagem, o que por si só já é uma grande vantagem, principalmente no caso de extravio de malas!

Em alguns países, como no caso dos europeus pertencentes ao tratado Schengen, é obrigatória a contratação de um seguro viagem no valor de 30.000 euros, mas em outros essa exigência não é obrigatória e por isso muitas pessoas acabam viajando sem um seguro.

Na hora de escolher um seguro viagem, as opções podem te deixar mais confuso ainda, certo? Mas calma, existem diversas empresas que oferecem um seguro bom e barato.

Empresas como Assist Card, IAC seguros, GTA e ISIS, são mais barata e oferecem ótimos benefícios.

Para escolher seu seguro, primeiro você deve estimar um gasto médio no lugar que você estará e, a partir daí, contratar a cobertura. Nos EUA, por exemplo, os gastos podem ser maiores, então seria bom contratar um seguro com uma cobertura maior. Recomendaria um seguro a partir de 35.000 dólares de cobertura, menos do que isso já é considerado pouco, comparado aos gastos que você pode ter lá.

Depois, você precisa analisar a cobertura. É importante ver o que cada seguro realmente oferece. Alguns não cobrem suporte a doenças crônicas, então se você é portador, preste atenção nisso.

Outro ponto sobre a cobertura é o tipo de viagem. Alguns mochileiros viajam trocando trabalho por estadia e alimentação e não são todos os seguros que cobrem acidentes de trabalho.Existem pessoas que gostam de fazer atividades esportivas, como rafting ou rapel, e não são todas as seguradoras que cobrem acidentes durante essas atividades.

Então, se algum desses for o seu caso, procure seguradoras que cobrem esse tipo de acidente. Algumas também incluem objetos de valor, como câmeras e outras permitem a extensão do seguro, caso você queira passar mais tempo viajando.

O mais importante é avaliar o que as seguradoras têm para te oferecer e analisar bem o contrato. E você, tem alguma experiência com seguro viagem que queira compartilhar? Deixe um comentário para me ajudar.

E não se esqueça, be safe!

 



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*